ESTUDANTE DE ESTÉTICA E COSMÉTICA É A LATINA DA CIDADE DAS ROSAS

ÉRIKA LOPES É A REPRESENTANTE DE SAPIRANGA

Depois de seis anos sem participação no Miss Rio Grande do Sul Latina, a cidade das Rosas está de volta à disputa pela coroa. Nessa temporada, quem representa Sapiranga é Érika Lopes, de 20 anos. Estudante do curso de Estética e Cosmética, a participante desta edição revela ser reconhecida pelas pessoas pela sua determinação. Além disso, a candidata diz que se considera uma mulher determinada, que está em constante evolução e que acredita que a cada dia pode descobrir novos horizontes e conquistar os seus objetivos “Eu sou muito coração, me comovo com qualquer tipo de situação e sempre busco, de imediato, contribuir de alguma forma”, conta.

Entre as coisas que lhe tiram do sério, a Miss Sapiranga revela que a falta de empatia do seres humanos aos animais e a falta de respeito na sociedade, por conta de crenças, classes sociais, orientação sexual e entre outras questões, é o que mais lhe causa revolta. “Acredito que se tivéssemos mais empatia e amor pelo próximo, o nosso mundo, com toda certeza, seria melhor”.

FUTURO EMPREENDEDOR

Para a miss, um dia feliz é aquele em que acorda com saúde, pois acredita que a cada novo amanhecer se tem a oportunidade de recomeçar ou continuar aquilo que estava fazendo. “Ressalto que estar ao lado da minha família, que sempre me enche de amor, paz e segurança, é algo sensacional para que a felicidade seja completa”, diz.

Logo após concluir o curso superior, Érika tem como objetivo abrir o próprio espaço de atendimento e, futuramente, ela almeja expandir a empresa abrindo em cada região do estado uma clínica estética própria. “Tudo isso, unindo beleza e autoestima, algo que eu considero fundamental para um bom resultado do meu trabalho”, conta.

Quando questionada sobre o motivo pelo qual resolveu participar do Miss RS Latina, Érika diz que o concurso está ganhando cada vez mais espaço e visibilidade dentro do estado e que, ao ser convidada pelo coordenador Marlon Rodrigues, não pensou duas vezes na hora de aceitar o convite. “Após sete anos, nossa cidade volta ao concurso e estou muito contente com a oportunidade e confiança depositada a mim para carregar o nome da cidade que nasci, cresci e vivo até hoje”, comenta.

Essa é a primeira vez que a jovem é candidata em uma competição de miss. Todavia, ela não se sente em desvantagem e considera que toda a experiencia que se vive é transformadora e capaz de proporcionar autoconhecimento. “Sair da nossa zona de conforto e encarar novas etapas é algo que mostra que realmente estamos preparadas para mudanças futuras” conclui.

A coordenação e preparação da candidata é do promotor Marlon Rodrigues.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.